Papai Noel dos Correios recebe presentes até quarta (20)

O Distrito Federal tem números para comemorar, o espírito natalino chegou com força na capital do país, das 7.104 cartas dos pequenos brasilienses, todas foram adotadas

0
137

O famoso Papai Noel dos Correios segue até quarta-feira (20) entregando presentes para as crianças de todo o Brasil. O prazo foi ampliado com foco em aumentar o número de cartinhas de Natal adotadas este ano. Ao todo, a campanha já recebeu e cadastrou 270 mil cartas, e destas, 200 mil já foram adotadas.

“A cada entrega de presentes da campanha, ressignificamos o sentido do Natal e nós dos Correios nos revigoramos. Por isso, estamos buscando atender tantas outras crianças que ainda não foram contempladas. Ainda tem cartinha para ser adotada, ainda tem presente para entregar no Brasil inteiro. Contamos com o apoio de todos para que consigamos, nessa reta final, alcançar todos os sorrisos possíveis das nossas crianças”, ponderou o presidente dos Correios, Fabiano dos Santos.

O Distrito Federal tem números para comemorar, o espírito natalino chegou com força na capital do país, das 7.104 cartas dos pequenos brasilienses, todas foram adotadas. Ao Jornal de Brasília, os Correios DF destacam que 6 mil cartas foram oriundas de escolas e as outras 1.104 de creches e da sociedade em geral.

Para o DF, a ampliação da campanha traz um viés muito positivo, no sentido de ampliar o número de brinquedos doados: “Apesar de todas as cartas terem sido adotadas, infelizmente nem todos os padrinhos entregam os presentes, então as doações avulsas nesse período serão utilizadas para cobrir esses presentes que podem chegar a faltar”, informou em nota os Correios DF.

Em contrapartida ao DF, o estado de São Paulo é o lugar que registra o maior número de cartas ainda disponíveis para a adoção: 26 mil. Em seguida, aparecem Bahia (12 mil), Minas Gerais (9 mil), Alagoas (5 mil) e Rio de Janeiro (4,5 mil). O objetivo dos Correios com a ampliação da campanha é que todas as cartas sejam adotadas, e os presentes sejam entregues até o Natal.

Entrega de presentes

A pequena Lívia Rodrigues, de cinco anos, recebeu, na última quinta-feira (14), uma bicicleta que pediu ao Papai Noel dos Correios. A cartinha foi escrita no Centro Educacional 416 de Santa Maria pela professora da unidade. “Eu falei para a tia [professora] que eu tinha o sonho de ganhar uma bicicleta ou uma Bebê Reborn e ela escreveu. Eu fiquei muito feliz quando recebi a bicicleta”, comentou a pequena ao Jornal de Brasília.

Josiana Brito, mãe da Lívia, foi surpreendida com uma mensagem no grupo da escola que o Papai Noel tinha deixado um presente para sua filha na escola. “Nós ficamos surpresos, pois não acreditávamos de nenhuma forma que ela iria ganhar a bicicleta. Foi uma grata surpresa, ver a felicidade dela foi a melhor parte”.

Como participar da campanha?

Para quem ainda não doou, basta se dirigir à Casa do Papai Noel ou a uma das agências participantes da empresa e deixar o presente. Os endereços disponíveis para adoção estão no blognoel.correios.com.br. Os brinquedos preferidos das crianças são slimes, carrinhos, bolas e bonecas. Os presentes doados nesse período serão destinados para as crianças que não tiveram suas cartas adotadas, ou o padrinho não realizou a entrega do brinquedo.

História da campanha

O Papai Noel dos Correios é realizado há 34 anos, e teve início com uma ação de solidariedade dos funcionários da empresa. Os carteiros ao notarem as cartinhas se mobilizaram para atender os pedidos das crianças, e tempo depois os Correios criou a campanha para disponibilizar as cartas para adoção por toda a sociedade.

A campanha atende crianças do 1º ao 5º ano do ensino fundamental, em situação de vulnerabilidade social. São beneficiados os pequenos das escolas públicas, creches e orfanatos. A parceria com os colégios também conta com um caráter educativo, ao treinar a escrita das crianças.

Por Carolina Freitas do Jornal de Brasília

Foto: Arquivo pessoal / Reprodução Jornal de Brasília