SES-DF nomeia 134 médicos para fortalecer a saúde pública

Profissionais de várias especialidades vão reforçar unidades e a produtividade das cirurgias. Para janeiro, mais 500 serão convocados

0
105

O governador Ibaneis Rocha autorizou a nomeação de 134 médicos para reforçar o atendimento à população. A publicação será feita no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). Além destes, em janeiro de 2023 serão nomeados mais 500 profissionais da carreira médica, técnicos e outros profissionais da saúde.

“Os médicos e médicas nomeados vão ser importantes para que a população não perca na ponta o atendimento. No momento, estamos fazendo o chamamento nos casos de vacância e, no próximo ano, faremos a convocação de centenas de médicos aprovados em concursos e também novos certames”Ibaneis Rocha, governador

As contratações ocorrem pela vacância dos postos de trabalho, ou seja, há recurso no orçamento e não há ferimento à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Tanto a nomeação quanto o chamamento de mais médicos no próximo ano foram comemorados pelo governador Ibaneis Rocha.

“Os médicos e médicas nomeados vão ser importantes para que a população não perca na ponta o atendimento. No momento, estamos fazendo o chamamento nos casos de vacância e, no próximo ano, faremos a convocação de centenas de médicos aprovados em concursos e também novos certames”, explica o governador Ibaneis Rocha

As nomeações podem refletir diretamente na produtividade das cirurgias. Isso porque 35 dos nomeados são médicos anestesiologistas, que vão reforçar, por exemplo, os centros cirúrgicos de Taguatinga, Gama e Ceilândia.

A secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, pontuou que os novos profissionais chegam para ocupar postos importantes e com defasagem na rede pública. “Foi autorizada a contratação imediata desses médicos em especialidades onde temos um déficit e isso com certeza vai se retratar em um maior cuidado com a população, a exemplo da cirurgia geral, anestesiologia, psiquiatria, emergencista, clínico, pediatra, neonatologistas e nefrologistas”, detalha.

Há também a previsão de concursos para o próximo ano nos cargos de técnico em enfermagem e agentes de Vigilância Ambiental em Saúde (AVAs) e Comunitário de Saúde (ACSs). “Temos duas bancas para serem homologadas. Esses concursos são uma determinação do nosso chefe do Executivo para que se tenha celeridade nesses concursos para as contratações serem feitas em 2023”, acrescenta Lucilene Florêncio.

“São uma grande conquista para os servidores essas nomeações, pois assim reduzimos parte do déficit de pessoal e conseguimos melhorar o atendimento na ponta para a população”, acrescenta o subsecretário de Gestão de Pessoas da Secretaria de Saúde, Evillásio Sousa Ramos.

Confira as especialidades e o número de profissionais em cada área:
– Anestesiologistas (35)
– Cirurgia geral (14)
– Clínica médica (20)
– Médico da família e comunidade (10)
– Ginecologia (5)
– Emergencistas (11)
– Neonatologistas (19)
– Psiquiatras (10)
– Pediatras (5)
– Nefrologistas (5)

Total: 134

Por Agência Brasília com informações de PH Paiva

Foto: Breno Esaki/Arquivo Agência Saúde / Reprodução Agência Brasília