Esposa de Anderson Torres é exonerada da CLDF

Servidora original do Banco do Brasil, Flávia volta ao órgão após três anos cedida à Câmara Legislativa do DF

0
151

Conforme publicado no Diário da Câmara Legislativa nesta segunda-feira (30), Flávia Michele Sampaio Torres, esposa de Anderson Torres, ex-secretário de Segurança Pública do DF e ex-ministro de Bolsonaro, foi exonerada da casa.

Ela é servidora do Banco do Brasil e estava cedida à CLDF desde 2019, quando entrou para a área de cerimonial. Depois, foi transferida para a Liderança do Governo, onde exercia cargo especial. Agora, Flávia retorna ao órgão de origem, onde ocupava a função de assistente operacional júnior.

O salário de Flávia era pago por meio de uma cota que a Mesa Diretora tinha para contratar funcionários de fora, e chegava a R$ 10 mil. No BB, onde é concursada, ela recebia cerca de R$ 4,2 mil.

Por Camila Bairros do Jornal Brasília

Foto: Carlos Gandra/CLDF / Reprodução Jornal de Brasília