Quadrilha de lavagem de dinheiro é alvo da PCDF

A estimativa é de que o grupo tenha movimentado cerca de R$ 1 bilhão com os crimes. As contas dos suspeitos foram bloqueadas

0
150

Começou nesta quarta-feira (01/02) a operação Hemera. A Polícia Civil do Distrito Federal cumpre 24 mandados de busca e apreensão contra uma quadrilha especializada em roubo de veículos, fraude de documentos e lavagem de dinheiro.

A operação ocorre com auxílio das polícias do Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná e São Paulo. O grupo falsificava sinais identificadores dos veículos e os vendiam, com a negociação feita sempre em local público. A investigação mostrou que, depois que o negócio era fechado e o dinheiro era depositado pela vítima, a quantia era rapidamente sacada pelos criminosos.

O dinheiro sacado era distribuído em distribuidoras de bebidas por todo o país. Por isso a PCDF começou a investigar uma suposta lavagem de dinheiro.

Até o momento, foram identificadas 11 empresas que receberam recursos ilícitos. A estimativa é de que o grupo tenha movimentado cerca de R$ 1 bilhão com os crimes. Também foi feito um bloqueio de valores nas contas dos suspeitos.

Por Camila Bairros do Jornal de Brasília

Foto: PCDF / Reprodução Jornal de Brasília