Mulher é presa por agredir servidora de hospital no DF

Mulher de 31 anos foi presa por agredir e desacatar uma servidora da unidade Pronto Atendimento (UPA) de São Sebastião

0
72

Mulher de 31 anos foi presa por agredir e desacatar uma servidora da unidade Pronto Atendimento (UPA) de São Sebastião, por volta das 4h, desta quinta-feira (06/04). A servidora estava com arranhões no braço e no pescoço. A agressora reclamava da demora no atendimento.

Quando a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) chegaram ao local, depararam-se com a mulher que agrediu a servidora, ela estava exaltada e querendo continuar a agressão mesmo na presença dos policiais. Para evitar mais confusão na unidade hospitalar, um policial a empurrou para ela se afastar. A mulher se desequilibrou e caiu no chão.

Outra mulher, de 30 anos, que filmava toda a ação, instigava outros pacientes a se revoltar contra os policiais. Ela também desacatou os militares. Os próprios servidores da UPA confirmaram que ela incitava os pacientes contra a equipe da unidade.


As duas mulheres foram levadas para a 30ª Delegacia de Polícia. Elas vão responder por desacato, vias de fato e resistência.

Por Nathalia Maciel do Jornal de Brasília

Foto: Reprodução/ PMDF / Reprodução Jornal de Brasília