Ampliação de carga horária de servidores da SES-DF reforça atendimento

Medida da SES complementa a convocação de 1.608 profissionais em 2023

0
102

A Secretaria de Saúde ampliou a carga horária de 509 servidores, por meio de Portaria 146, assinada na sexta-feira (28/04) e publicada hoje no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF).

“A Saúde é uma prioridade para nosso governador e a ampliação da carga horária, de 20 para 40 horas de 497 servidores em 14 categorias, é a reafirmação de que a força de trabalho na secretaria carece de reforço e, dessa forma, conseguiremos ampliar o cuidado e o acesso aos serviços à nossa população”Lucilene Florêncio, secretária de Saúde

A medida possibilita maior acesso da comunidade aos serviços oferecidos pela Saúde, uma vez que contempla profissionais que atuam nas atenções primária, secundária e hospitalar. Um reforço de mão de obra essencial para as novas ações previstas pela pasta, que incluem a abertura de novos leitos de hospitais e o maior número de atendimentos.

“A Saúde é uma prioridade para nosso governador e a ampliação da carga horária, de 20 para 40 horas de 497 servidores em 14 categorias, é a reafirmação de que a força de trabalho na secretaria carece de reforço e, dessa forma, conseguiremos ampliar o cuidado e o acesso aos serviços à nossa população”, afirma a secretária de Saúde, Lucilene Florêncio.

Entre os profissionais que tiveram a carga horária duplicada, há técnicos em enfermagem, responsáveis, por exemplo, por aplicação de vacinas e coletas de exames, dentre outras funções. Na lista ainda estão incluídos enfermeiros, farmacêuticos, médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, técnicos em nutrição, técnico em saúde bucal, analistas e técnicos em gestão e assistência pública em saúde e assistentes sociais, dentre outras especialidades.

Convocações

Em paralelo, em 2023 a Secretaria de Saúde já realizou duas convocações de novos servidores efetivos. Em janeiro, foram nomeados 1.236 candidatos aprovados em concursos, sendo 437 médicos, 454 especialistas, 220 enfermeiros e 125 dentistas. No início de abril, foram convocados mais 372 por vacância dos cargos, sendo 233 médicos, 21 enfermeiros, 7 cirurgiões-dentistas, 11 farmacêuticos, dentre outras carreiras.

*Com informações da Secretaria de Saúde do DF

Por Agência Brasília

Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília