Brasília vai sediar os Jogos Escolares Brasileiros 2023

O evento reunirá atletas com faixa etária de 12 a 14 anos, matriculados em instituições de ensino pública e privada, e é classificatório para o Sul-Americano que acontecerá no Chile, em dezembro

0
158

Brasília será sede da terceira edição dos Jogos Escolares Brasileiros (JEBs). Com o apoio da Secretaria de Esporte e Lazer do Distrito Federal (SEL-DF), o evento vai acontecer entre os dias 26 de outubro e 9 de novembro deste ano. São esperados cerca de 6.100 atletas e 1.120 técnicos para o evento.

Para a realização dos jogos, a SEL vai destinar R$ 7 milhões que serão utilizados para garantir a hospedagem dos participantes durante todo o período de competição. Os recursos foram descentralizados do Conselho de Administração do Fundo de Apoio ao Esporte (Confae).

“O esporte é uma ferramenta pedagógica e essencial para promoção da inclusão social. Com a realização dos JEBs aqui na nossa cidade, não tenho dúvidas que esses jovens atletas irão desfrutar de um dos melhores momentos de sua vida acadêmica, com a troca de experiências e ao mesmo tempo garantindo bons resultados”, destacou o secretário de Esporte e Lazer, Julio Cesar Ribeiro. O evento é classificatório para o Sul-Americano que acontecerá em dezembro no Chile.

As inscrições são realizadas pelos estados participantes e devem ser feitas diretamente com a Confederação do Desporto Escolar, entidade responsável pela realização dos jogos. Entre os locais de competição estão instituições de ensino público e privadas, clubes, associações, espaços esportivos públicos e privados de Brasília.

As competições serão disputadas por atletas com faixa etária de 12 a 14 anos matriculados em instituições de ensino pública e privada e incluem as modalidades de atletismo, atletismo adaptado, badminton, basquete, ciclismo, futsal, ginástica artística, ginástica rítmica, handebol, judô, karatê, natação, taekwondo, tênis de mesa, voleibol, vôlei de praia, wrestling e xadrez.

*Com informações da SEL-DF

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/SEL Reprodução Agência Brasília