Ouvidoria do Detran-DF reduz demandas e tem atendimento reconhecido

Ambiente de trabalho colaborou para melhor desempenho dos servidores

0
1079

A Ouvidoria-Geral do Distrito Federal trouxe números positivos ao Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF) sobre suas demandas de ouvidoria. Das duas mil demandas reprimidas, apenas 87 ainda aguardavam resolução. As informações geraram elogios da Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF) durante reunião no gabinete do diretor-geral do Detran-DF, Takane do Nascimento, nesta segunda-feira (2).

Na ocasião, o controlador-geral do DF, Daniel Alves Lima, fez questão de registrar reconhecimento pelos resultados revelados pela Ouvidoria do Detran. “Quero dizer que futuramente o Detran será chamado como referência pelos procedimentos que resultaram nessa melhoria. A experiência do Detran pode servir de referência para mostrar como foi realizado o mapeamento de suas demandas”, destacou.

A ouvidora-substituta do Detran, Rosana Assis de Almeida, acrescentou que todo o esforço da equipe foi reflexo da atual gestão, que soube ouvir e acatar as necessidades da Ouvidoria do departamento. “Esses estudos dos problemas da ouvidoria já estavam acontecendo há muito tempo. Criamos um grupo de trabalho em janeiro com muitos problemas e demandas vencidas. Quando o Takane assumiu, abriu as portas para saber o que a gente precisava para resolver os problemas e fomos atendidos”, frisou.

“Esse resultado da nossa ouvidoria só revela que estamos no caminho certo de propiciar um ambiente de trabalho que possa refletir na nossa prestação de serviço”Takane do Nascimento, diretor-geral do Detran-DF

A nova gestão, no entanto, atendeu o pedido da ouvidoria aumentando o quadro de pessoal com mais dois servidores e dois estagiários, elevando de cinco para sete postos de trabalho para revezamento, além de ampliar as instalações de trabalho.

“Melhorar o ambiente de trabalho dos servidores é uma das minhas metas como gestor do Detran. Esse resultado da nossa ouvidoria só revela que estamos no caminho certo de propiciar um ambiente de trabalho que possa refletir na nossa prestação de serviço”, afirmou Takane.

*Com informações do Detran-DF

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação Detran-DF / Reprodução Agência Brasília