Delegação de empresários chineses avalia investimentos no DF

Grupo foi recebido nesta sexta-feira, no Palácio do Buriti, pelo secretário de Relações Internacionais, Paco Britto

0
121

O secretário de Relações Internacionais, Paco Britto, recebeu, na tarde desta sexta-feira (27), delegação da província chinesa de Hunan. O encontro foi promovido pela Associação da Amizade de Hunan, representado pelo presidente da entidade, Sui Zhongcheng, juntamente com outros membros. O presidente de Operações Nacionais da Sany, Alex Xiao, também participou da reunião, que ocorreu no Palácio do Buriti.

Interessados em conhecer o que o DF oferece para investimentos, o grupo chinês ouviu do secretário os pontos positivos que fazem do Distrito Federal uma “capital de oportunidades”.

“Posso afirmar que o DF tem as melhores oportunidades para investidores nacionais e internacionais. Apesar de pequeno, somos bastante desenvolvidos na agricultura, tecnologia e no comércio”, disse o secretário.

Paco Britto destacou o fato de a capital oferecer incentivos a terras com a geração de emprego e renda – por meio da Terracap -, um banco – BRB -, incentivos fiscais competitivos com os demais estados brasileiros, além de destacar a qualidade de vida, renda per capta dos brasilienses e localização da capital, com facilidade para escoar produção. “Somos um hub no coração da América do Sul”, frisou.

Sui Zhongcheng agradeceu por terem sido recebidos no Palácio do Buriti e enfatizou que o objetivo da visita é “procurar oportunidades de comércio e cooperação com Brasília. O que ouvimos aqui aumentou o nosso interesse”, adiantou.

“Tenho percebido o entusiasmo do senhor com o desenvolvimento econômico e atração de capital estrangeiro para o DF e chama muito a nossa atenção o que o GDF tem a oferecer”, completou.

O represente da Sany – empresa chinesa que figura entre as mais importantes do mundo – também demonstrou interesse em investimento no DF, principalmente na área de geração de energia fotovoltaica e com a construção de uma fábrica de caminhões.

“Estamos estudando várias possibilidades de investimentos no Brasil e, diante de tudo que foi apresentado, a qualidade de vida e a segurança que o DF oferecem são fatores que chamaram muito a nossa atenção”, destacou Alex Xiao. “Vamos considerar isso seriamente”, concluiu.

*Com informações da Serinter

Por Agência Brasília

Foto: Lívio di Araújo/Ascom Serinter / Reprodução Agência Brasília