Feira de Soluções para a Saúde debate transformação digital

O evento, fruto de uma parceria entre a Secretaria de Saúde (SES) e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), reúne ideias inovadoras para desafios atuais e ocorrerá entre os dias 27 e 29 deste mês

0
2281

A sexta edição da Feira de Soluções para a Saúde, uma iniciativa conjunta da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES) e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), está programada para ocorrer entre os dias 27 e 29 deste mês, no Millenium Convention Center, no Clube da Ascade. Com o tema Transformação digital na saúde, o evento tem como objetivo debater e apresentar propostas inovadoras nos eixos social, tecnológico e de serviços.

O evento reunirá especialistas e entusiastas do setor para promover parcerias institucionais de ciência, tecnologia e inovação, impulsionando o desenvolvimento e a aplicação de soluções únicas no cenário de saúde do Distrito Federal.

A secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, enfatiza que a feira é um espaço fundamental para avaliar o progresso na área da saúde pública. “Precisamos saber o que tínhamos, o que temos hoje e aonde queremos chegar”, afirma. 

Na programação, há palestras, oficinas, workshops, seminários, rodas de conversa, simpósios, mesas de negociação, apresentação de pôsteres, hackathon e estandes de parceiros exibindo soluções. Essas ações são voltadas a profissionais da saúde, gestores, pesquisadores, trabalhadores do setor, movimentos sociais, estudantes e representantes de institutos de financiamento e fomento à pesquisa, instituições de pesquisa, empresários, empreendedores e gestores da saúde.

O subsecretário de Planejamento em Saúde, Rodrigo Vidal, enxerga o evento como uma oportunidade de encontrar soluções para os desafios atuais: “A feira é muito importante para estabelecermos e pensarmos em uma cultura de transformação digital na SES-DF. Esses três dias serão de imersão para que o conhecimento possa ser ampliado”.

Além do patrocínio da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF), o evento conta com o apoio de várias instituições, incluindo Ministério da Saúde, Governo do Distrito Federal (GDF), Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB), Fundação de Ensino e Pesquisa em Ciências de Saúde (Fepecs), Universidade do Distrito Federal (UnDF), Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF) e Controladoria-Geral do Distrito Federal (CGDF).

Hackatona

Como parte da Feira de Soluções para a Saúde, a Fiocruz promoverá a hackatona Inovação na transformação digital em saúde para o enfrentamento da covid-19 e suas consequências. O intuito é selecionar e desenvolver propostas que apresentem produtos, serviços e/ou processos digitais para o enfrentamento a pandemias e seus efeitos diretos ou secundários. O edital está disponível aqui.

Histórico

Com público participante estimado em mais de 8 mil pessoas, as diferentes edições da feira já fazem parte do calendário institucional da Fiocruz. A primeira Feira de Soluções para a Saúde foi realizada em 2017, na Bahia, tendo como foco o enfrentamento do zika vírus. A partir dela, outras questões de importância sanitária foram tema do evento.

*Com informações da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES) e da Fiocruz Brasília

Por Agência Brasília

Foto: Breno Esaki/Arquivo Agência Saúde / Reprodução Agência Brasília