Ação do governo incentiva descarte regular de lixo eletroeletrônico no DF

Público ganhou um Pix de R$ 1 a cada um quilo descartado; próxima data da ação é 22 de setembro

0
38

Para incentivar o descarte adequado de lixo eletrônico, o Governo do Distrito Federal (GDF) promoveu mais uma ação, nesta sexta-feira (25), de descarte voluntário desses equipamentos no posto de combustível Jarjour da 206 Norte. Além de ajudar o meio ambiente, o público recebe um Pix no valor de R$ 1 a cada quilo descartado. A próxima data programada para a ação é 22 de setembro no posto Jarjour da 210 Sul.

A iniciativa é possível por meio de uma parceria da Secretaria de Meio Ambiente e Proteção Animal do DF (Sema) com a Associação Brasileira de Reciclagem de Eletroeletrônicos e Eletrodomésticos (Abree) e a Zero Impacto Logística Reversa. Somente na ação desta sexta-feira (25), foram recolhidos mais de 270 kg de lixo eletroeletrônico. No dia 11 de agosto, foram 180 kg de equipamentos recolhidos e, no dia 28 de julho, foram 2,7 toneladas.

“Os resíduos eletrônicos têm substâncias que, quando se decompõem, são altamente poluentes e isso impacta diretamente na saúde da população. Por isso, é importante que haja essa conscientização de fazer o descarte adequado, é um resíduo que não pode ser descartado no lixo comum”, afirmou a gerente de Implantação da Política de Resíduos Sólidos da Sema, Maria Fernanda Teixeira.

A aposentada Maria Lúcia de Araújo Costa, 69 anos, aproveitou o posto para garantir o descarte correto dos lixos eletroeletrônicos que tinha em casa. Ela descartou computadores, tomadas e ventilador, que totalizaram 21 kg. “Liguei na Sema e me informaram desse posto aqui hoje. Ficou bom para mim, porque é mais perto de onde eu moro. Sempre procuro esses pontos para o descarte, mas nunca acho, aí fica acumulando lá em casa. É muito importante porque, primeiro, vai ser reciclado e, segundo, não vai poluir o meio ambiente”, defendeu.

Jussara Duarte, 53, estava abastecendo no posto quando viu o ponto de coleta. Ela disse que pretende comparecer ao posto na próxima data da ação. “Tenho muito celular lá em casa para descartar e não dá para jogar no lixo comum. Agora que vi que tem esse Pix, na próxima vez eu vou trazer um micro-ondas bem pesado”, disse a assistente administrativa, entre risadas

O aeronauta Arnaldo Lima, 52, reforçou que é importante ter ações como essa para estimular o descarte adequado. “Eu sei bem como descartar e sei também como não se descarta. Tem que ser em um ponto específico. Não conhecia esse ponto aqui, mas, se tiver alguma coisa lá em casa, vou trazer”, compartilhou.

No primeiro ano de parceria, entre outubro de 2021 e outubro de 2022, foram coletadas mais de 35 toneladas de resíduos eletrônicos no DF. No mesmo período, foram atendidas cerca de 289 solicitações de recolhimento domiciliar, a maior parte na Asa Norte, em Águas Claras e na Asa Sul.

Próximas datas da campanha:

→ 22 de setembro – Posto Jarjour da 210 Sul
→ 6 de outubro – Posto Jarjour da 210 Sul
→ 20 de outubro – Posto Jarjour da CBS 8 em Taguatinga
→ 17 de novembro – Posto Jarjour da 206 Norte
→ 1º de dezembro – Posto Jarjour 206 Norte
→ 16 de dezembro – Posto Jarjour da 206 Norte.

Por Agência Brasília

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui